Edição Atual

v. 2 n. 31 (2020): 2020: que ano!

2020: que ano!

É perceptível que 2020 veio para mostrar muitos deficits mundiais sobre as condições de saúde da população, principalmente idosa, a chamada terceira idade, sobreposta na maioria das comunidades. Prevenção é a palavra de ordem atualmente, e estudos mostram que prevenir sempre será a melhor conduta.

 

Uma outra vertente ressaltada é o atendimento e educação especial, outra população extremamente carente de atenção. Por que não dizer que as nossas crianças também se tornaram mais do que especiais durante a pandemia? Nesse momento, houve um esforço dos cuidadores para garantir o entretenimento, utilizando inclusive, jogos educativos disponibilizados na internet.

 

No entanto, a disponibilidade de acesso à internet não foi para todos. Situações monetárias mostraram a desigualdade social em muitas comunidades. Temos o exemplo do Bitcoin, que de acordo com alguns estudos, é uma criptomoeda descentralizada, anônima e segura, assim como a moeda virtual.

 

Diante de tantos dissabores sociais, as mulheres foram mais vítimas de violências nesse período, e no âmbito jurídico, houve recorde de denúncias, demonstrando que mesmo com a Covid-19, o coagimento e o constrangimento a sua liberdade permaneceu inalterada.

 

Apesar das fissuras e dos sangramentos sociais ainda pendurarem, outros cuidados e tratamentos devem ser relembrados no que tange a dermatite de contato pelos derivados do petróleo, que ocorre pela pele, vias respiratória e oral. As orientações da Enfermagem devem servir como base para a saúde da mulher e também do trabalhador, estabelecendo assim, os primeiros socorros e a educação rotineira na conduta dos Equipamentos de Proteção Individual (EPIs), respectivamente. Anjos existem!

 

O Investidor-anjo, introduzido ao Simples Nacional por meio da Lei complementar n°155, de 27 de outubro de 2016, traz em seu bojo, o Investidor-anjo. O conhecimento em empresas incubadas sobre o tema, incentivam a obter mais conhecimentos e informações, que são benécias e trazem, diariamente, modificações em incubadoras desse assunto.

 

De janeiro a dezembro de 2020, alterações ocorreram, como: precipitações, temperaturas, evapotranspirações, queimadas, incêndios, variáveis meteorológicas, entre outras, explicando dessa forma, as inúmeras anomalias que ocorrem em diversas regiões.

 

Drª Lindomar Guedes Freire Filha

EDITORA-CHEFE

Publicado: 2020-12-29

Artigos

Ver Todas as Edições